domingo, 19 de outubro de 2008

Sossego

Corre-me a paz por dentro
espraia-se e faz-me ser...

saboreio o momento
solto o pensamento

gosto dos meus dias assim
soma de quase nadas
em que semeio vagens de brilho
sem que a rota esteja feita
sigo o meu trilho...

2 comentários:

prafrente disse...

"corre-me a paz por dentro"..

Assim gosto mais...e essa paz transmite-se também a quem a lê...e certamente a quem a vê...

Força

Irene disse...

encarar com serenidade a rota não planeada... uma boa opção!