quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

Mais...

Hoje queria mais...

queria o sol a morder-me a alma
queria a roupa a pesar-me pouco
o corpo leve, liberto
o cheiro a maresia matinal
o amor como certo

queria-me só sentidos
em teus braços perdidos

Queria muito... afinal!

5 comentários:

Paulo T Pires disse...

olá maresia, muito obrigado pela visita... eu também gostei...
beijinho

poesianopopular disse...

Tudo o que nós queremos,
nós atraímos
Tudo o que nós pensamos,
nós sentimos
Tudo o que nós desejamos,
nós conseguimos
A imaginação...é tudo!

Abraço

O Árabe disse...

Eis que sempre queremos mais... e só assim nos encontramos. :)Bom fim de semana.

mateo disse...

Momentos em que queremos muito e tanto. Tudo!
Beijos.

poetaeusou . . . disse...

*
aromas
de maresia,
em olhares perdidos,
,
conchinhas
,
*