terça-feira, 1 de dezembro de 2009

Sedimentos

As chuvas que tudo arrastam
foram maré cheia
de sentires
de afagos
de almas
em leves tragos
e nas águas
viu-se o sol
e todas as coisas
arrastadas pela viagem
encontraram o seu porto.

13 comentários:

Anónimo disse...

Deste poema sobressai a tranquilidade e a calma, sintomático de uma profunda harmonia.
Um Poema muito bonito.
Fala ao interior de cada um de nós num apelo á paz.

prafrente disse...

será o mesmo que dizer "depois da tempestade vem a bonança".

Uma boa semana

beijinho

Zeze disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Conservador disse...

Escreva!
Arrebate-se.
*
De um ser para outro ser:

Diz-me quem és,
O que foste.
Dir-te-ei quem sou,
O que fui.
E se alguém nos interroga?
Somos.

E se um espelho nos desafia,
nos assobia,
e nos difama,
somos eu e tu.

O que damos, já demos,
qual ilhas perdidas,
à espera de portos,
e a dois, sentados,
só um infinito de mar olhamos.

Amiga, tomemos um barco!
E desse infinito que nos rodeia,
Desse tempo que dizes,
solta-me palavras,
más,
ordinárias,
perversas,
rodeadas de remos de algodão.

Veste-me desse algodão,
Sê nova em mim!

luiz alfredo motta fontana disse...

"e todas as coisas
arrastadas pela viagem
encontraram o seu porto. "


Que as novas águas, quando fluirem, estejam tão prenhes de poesia quanto essas o foram.

Belo ciclo de versos!

Centopeia disse...

Boa Poesia com muito natal!
:)

poetaeusou . . . disse...

*
esvoaça o Natal,
o 2010, está a chegar,
,
se eu fosse o futuro
pincelava o 2010
de um modo desigual,
invertia os grandes mestres
estimulava os absurdos
convertendo o obscuro,
o branco seria carinho
a tolerância o preto
no rosado da saúde,
e o azul da amizade
feita ternura esmeraldina
na meiguice amarelada,
eu quero a Paz anilada
no lilás da paixão
em violeta de amor,
e de forma desejada
ofereço, como gratidão,
o perfume de uma flor.
,
que venha o 2010 !!!
,
conchinhas
,
*

NiGhtfm disse...

Entao stora, como é que vai ... Já não a vejo há algum tempo.

Bjs, Joao

Zeze disse...

Olá

Passo para te Desejar um 2010 cheio de Saúde, pois o resto vêm atrás :)

Beijoka

Lana disse...

Olá
bom ano
voltei
1 sorriso mto luminoso
Lana

luiz alfredo motta fontana disse...

Olá!

"E por falar em saudade onde anda você
Onde andam seus olhos que a gente não vê..." (vinicius de moraes)

prafrente disse...

Por onde anda a sua musa inspiradora? Outros valores mais altos se alevantam?

Felicidades

rex disse...

Princípio

Não tenho deuses. Vivo
Desamparado.
Sonhei deuses outrora,
Mas acordei.
Agora
Os acúleos são versos,
E tacteiam apenas
A ilusão de um suporte.
Mas a inércia da morte,
O descanso da vide na ramada
A contar primaveras uma a uma,
Também me não diz nada.
A paz possível é não ter nenhuma.

Miguel Torga, in 'Penas do Purgatório'

tenha uma boa tarde
taylan oliveira